Be My Eyes, o aplicativo que auxilia pessoas cegas em atividades cotidianas

Conheça o aplicativo que promove chamadas entre voluntários e usuários com deficiência visual

Aplicativo Be My Eyes
Conheça Be My Eyes, o aplicativo que liga voluntários aos deficientes visuais

Be My Eyes é um aplicativo que permite aos deficientes visuais encontrar um voluntário que auxilie em atividades do dia a dia. Com uma chamada de vídeo o usuário recebe uma ajuda on line, a partir dos olhos do voluntário.

Oferta Limitada!
ACHAMOS SEU CARTÃO!
Mais de 564 pessoas solicitaram hoje…

Emprestar os olhos para uma pessoa cega é a proposta desse aplicativo. A partir da conexão de vídeo, você pode resolver alguma questão para o usuário. Ajudar e receber uma ajuda. Pequenos gestos de bondade que pode mudar o dia de alguém.

Be My Eyes: um aplicativo que reúne gestos de bondade

Be MY Eyes: aplicativo que gera bondade
A tecnologia que favorece a vida do dia a dia: Be My Eyes

Be My Eyes é um aplicativo com um sistema de conexão, que utiliza a câmera traseira do celular para fazer a identificação visual do ambiente. Assim, as pessoas com deficiência visual, cegas ou com baixa visão, conseguem pelo app pedir a ajuda de um voluntário para a realização de alguma tarefa.

Para isso, o voluntário irá atender a chamada feita pelo aplicativo e por conversa e pela imagem da câmera traseira a ajuda é oferecida. Logo, após receber a ajuda, a pessoa com deficiência visual pode fazer uma avaliação do voluntário.

Esse aplicativo para smartphones pode ajudar o dia a dia das pessoas com deficiência visual, cegas ou com baixa visão. Ou seja, O Seja Meus Olhos cresce significativamente desde que foi lançado.

Assim sendo, ele funciona como um intermediário, conectando uma pessoa com deficiência visual a uma pessoa sem deficiência visual.

Conheça outros aplicativos de apoio aos deficientes visuais

1. Eye-D (Android | iOS)

Esse aplicativo não serve para ajudar deficientes visuais acessar a Internet, mas sim para fazer com que eles identifiquem seus arredores ao sair na rua de um jeito simples e rápido, uma vez que os textos são convertidos em falas. O aplicativo é gratuito.

2. Ubook (Android | iOS)

O Ubook disponibiliza mais de 1000 audiolivros em seu catálogo pelo valor de R$ 18,90/mês. Você encontra as obras em diversos gêneros literários, o que facilita muito o acesso de deficientes visuais a livros na Internet.

3. CPqD Alcance (Android)

Outro aplicativo que facilita o acesso de deficientes visuais à Internet é o brasileiro CPqD Alcance. Ele conta com narração automática da tela e auxílio na maioria das funções do smartphone, como fazer ligações, checar a porcentagem da bateria, acessar contatos, SMS e arquivos.

Dessa forma, o interessante é que não há necessidade de cadastro para usar o aplicativo, uma vez que ele mesmo se transforma na interface do celular.

4. Google BrailleBack (Android)

Desenvolvido pelo google. Assim, ele propõe uma mistura de braile com falas para entender os elementos da tela do Android. As falas guiam o usuário até cada ícone da tela, enquanto o teclado em braile pode facilitar a navegação no aplicativo.

Assim, para usar o Be My Eyes você configura idioma. Escolhe se você é deficiente ou voluntário. Você pode fazer o login por rede social. O voluntário recebe a vídeo chamada para responder a perguntas feitas pelo cego.

Por fim, para o usuário, significa liberdade de fazer pequenas coisas, em casa, de forma autônoma.


Última atualização: 4 de janeiro de 2023

Recomendamos:

Confira também

CARTÃO BMG CARD
A menor taxa de juros, sem anuidade
e possui diversas vantagens!
CARTÃO MAGALU
2% de cashback
Zero Anuidade
CARTÃO PICPAY
Zero anuidade e limite
pré-aprovado a partir de R$ 400.
CARTÃO SUPERDIGITAL
Passa no crédito,
mas debita na hora.

Pec da Transição é a aposta do novo governo para manter os benefícios sociais

Ganhe dinheiro com youtube. Para o criador de conteúdo a internet é uma importante ferramenta